Conheça nossos cursos
Conheça nossos cursos

Mercado de Trabalho

A situação da Indústria 4.0 no Brasil

BLOG NEWTON PAIVA

Os melhores conteúdos sobre EAD e educação

Mercado de Trabalho

A situação da Indústria 4.0 no Brasil

Blog da Pós EAD da Newton
Por Blog da Pós EAD da Newton em Jun 1, 2022 4:15:00 PM | 18 min de leitura

A Indústria 4.0 no Brasil tem sido um tema cada vez mais abordado dentro do contexto de mercado, em cursos da área de negócios e especializações na área industrial. 

Isso porque entramos em uma era muito forte de renovação da indústria, que passa agora a contar com tecnologias que colaboram para otimização da produção em massa. 

Dessa forma, toda a indústria passa por uma revolução, em que as cadeias ganham força para aumentar a produção. 

Nessa nova indústria, as máquinas não vieram para substituir as pessoas, como muita gente pode imaginar. As máquinas e a tecnologia vieram para acrescentar à área. 

Quer saber mais sobre a Indústria 4.0, o que é essa indústria, quais os panoramas dela no Brasil e quais as tecnologias principais que a integram? Então continue a leitura com a gente! 

O que é a Indústria 4.0 
As tecnologias da Indústria 4.0 
Como estão o Brasil e a Indústria 4.0 hoje 
Como é o mercado de trabalho na Indústria 4.0 
Exemplos de empresas que já entraram na era da Indústria 4.0  
Aproveite as oportunidades da Indústria 4.0 no Brasil! 

Acelere sua carreira com a pós-graduação EAD da Newton Paiva!

O que é a Indústria 4.0 

A Indústria 4.0 é o nome dado a aplicação de um amplo sistema de tecnologias dentro da área Industrial, visando à automação, ao aumento da produção, à maior qualidade e à maior segurança. 

Muitas vezes, ela também é conhecida por Quarta Revolução Industrial, pois a integração das tecnologias vem acontecendo em uma velocidade acelerada, alterando as bases do mercado. 

Nessa mudança, não somente a produção final é alterada. Para abrir espaço para melhorias e resultados, novos cargos relacionados à tecnologia são criados.  

Vantagens de mercado acabam acontecendo, a competição é acentuada entre indústrias do mesmo mercado, entre outros pontos relevantes para se observar. 

A área toda passa por uma mudança profunda, desde os cargos mais altos de diretoria e gerência até os cargos finais que lidam com vendas, fornecedores, máquinas e relacionamento com o mercado e clientes. 

As tecnologias da Indústria 4.0 

Para que essas mudanças profundas possam acontecer, novas tecnologias vêm sendo incorporadas na indústria. Dentre elas, algumas acabam se destacando pelo grande potencial de resultados que podem alcançar. 

Com a incorporação dessas tecnologias, novos campos de pesquisa e demandas por profissionais de engenharia e tecnologia também são criados dentro do mercado industrial. 

Com a geração dessa demanda, as instituições de ensino têm buscado atender essa busca por novos profissionais, criando especializações com visão estratégica para a Indústria 4.0. 

Quando trazemos em panorama as tecnologias em destaque que esses profissionais terão contato, podemos citar principalmente: 

  • Machine learning; 
  • Inteligência Artificial (IA); 
  • Modelagem estatística; 
  • Internet das Coisas (IoT). 

1. Machine learning 

Machine learning é um conceito bastante atual que já está presente em nossa vida, mesmo que ainda não tenhamos percebido por completo. 

Podemos traduzir o machine learning para “aprendizado de máquina”. O termo se refere à capacidade de máquinas, a partir da programação feita por pessoas, de "pensar" de maneira autônoma e encontrar saídas para problemas e situações, mas sem a ajuda de um humano.  

Esse aprendizado é feito por meio de regras lógicas. Pode ser utilizado para melhorar um desempenho, otimizar tempo, aumentar a produtividade, entre muitas outras. 

Por exemplo, quando usamos um streaming de vídeo e o site começa a nos recomendar vídeos similares a partir do nosso histórico de conteúdo assistido. Esta é uma forma de machine learning.  

O programa aprendeu sobre nossos gostos por meio de sistemas lógicos e analisando o que já assistimos. Assim, ele consegue indicar mais vídeos parecidos com o que gostamos. 

A sua aplicação na Indústria 4.0 pode trazer vantagens competitivas e significativa melhora na produção.  

Maquinários industriais são capazes de aprender como fazer e quando fazer determinadas tarefas, além de aprender como agir quando algum novo fato acontece na linha de produção.  

2. Inteligência Artificial 

Os conceitos de Inteligência Artificial (IA) e de machine learning são bastante similares, e muita gente imagina que sejam sinônimos. Porém, são coisas diferentes em um conceito micro, principalmente quando falamos nas suas aplicações. 

A Inteligência Artificial é um modelo de programação que consiste em mecanismos computacionais e que se baseiam no comportamento humano para funcionar. 

A diferença para o machine learning é que neste o programa continua aprendendo e se aprimorando, enquanto a Inteligência Artificial é mais impassível. 

A IA é utilizada muitas vezes para analisar dados e tomar decisões. Alguns exemplos de uso são em carros inteligentes e na utilização de drones para otimizar a agricultura. 

Quando utilizada na Indústria 4.0, a Inteligência Artificial pode estar presente em máquinas, pode otimizar a logística, melhorar a produção final, entre diversas outras possibilidades. 

3. Modelagem estatística 

A modelagem estatística trata-se de um algoritmo que, em contato com alto volume de variáveis, consegue gerar estimativas inteligentes.  

É ideal para processar e analisar dados de maneira mais eficiente, principalmente quando falamos em uma grande quantidade de informações disponível. 

Essa tecnologia oferece agilidade na tomada de decisões, vantagem competitiva frente a ambientes saturados e maior assertividade na análise dos dados de uma empresa. 

Ao planejar o próximo passo de uma indústria, não raramente, pode ocorrer uma certa confusão na hora de tomar uma decisão, visto que vários fatores precisam ser considerados. 

Com a modelagem estatística, essa tomada de decisão toma um caminho mais ágil, ampliando a visão e abrindo possibilidades de uma ação mais eficaz. 

4. Internet das Coisas (IoT) 

A Internet das Coisas (IoT) também é um conceito já presente em nossa vida, mas que muitas vezes acabamos não percebendo.  

Quando conectamos nosso carro na internet, ou até alguns eletrônicos, como a TV e a geladeira, e conseguimos realizar ações com isso, estamos em contato com a IoT. Seja para chegar até nosso destino pelo caminho mais curto dado pelo GPS, realizar compras de coisas que faltam diretamente pelo refrigerador, entre muitos outros. 

As possibilidades podem ser ainda maiores na indústria. É possível, por exemplo, conectar redes independentes entre si, como logística, compras, relacionamento com o cliente, e unificar em uma só.  

Também é possível automatizar o monitoramento da produção e realizar a manutenção em tempo real, entre outros exemplos. 

Com a opção de conectar qualquer dispositivo que gere informações em um serviço de nuvem, coletar dados de forma inteligente e realizar ações a partir disso, muitas novas portas se abriram. 

Como estão o Brasil e a Indústria 4.0 hoje 

A Indústria 4.0 no Brasil começou a crescer de forma plena na última década, passando por um boom de implementação importante e muito notável. 

Porém, quando comparado com o resto do mundo, ainda estamos em desvantagem no proveito das tecnologias presentes na indústria exterior. 

Isso porque também existem algumas desvantagens para as indústrias se adaptarem à Indústria 4.0.  

A primeira delas é o custo de implementação dessas tecnologias. Muitas vezes, também é necessário trocar máquinas, sendo um investimento que nem todas as empresas estão preparadas para fazer. 

Em segundo lugar, podemos citar o mercado de trabalho da Indústria 4.0. Implementar novas tecnologias significa incorporar também novos colaboradores e setores dentro da empresa.  

Sendo o setor de tecnologia um dos que mais cresceram na década, é também um dos que mais sofre com a falta de profissionais qualificados. 

A situação da Indústria 4.0 no Brasil.

Como é o mercado de trabalho na Indústria 4.0 

O mercado de trabalho na Indústria 4.0 trouxe renovações nas bases de setores e colaboradores das indústrias. Tudo para incorporar a área tecnológica de uma forma mais ampla. 

Com isso, novas carreiras, novas funções e cargos acabaram surgindo para suprir a demanda tecnológica da Indústria 4.0. 

Outros setores dentro da indústria também foram impactados, como a área de marketing, o administrativo, RH e vendas. 

Dessa forma, a necessidade de profissionais que tenham visão estratégica das mudanças da indústria tem sido crescente, e não somente dentro da área tecnológica. 

Isso trouxe grande demanda de profissionais de todas as áreas que sejam capacitados na Indústria 4.0, e que tenham proficiência teórica para lidar com o cenário cada vez mais desafiador dessa área. 

Exemplos de empresas que já entraram na era da Indústria 4.0 

Hoje em dia, existem diversos exemplos da implementação da Indústria 4.0 em indústrias brasileiras. 

Podemos citar a Bosch como exemplo número um. Após transformar as fábricas com novas máquinas e sensores para facilitar o processamento de dados, a Bosch se tornou um forte case da Indústria 4.0.  

Isso porque a integração dos sistemas de produção de forma macro nas fábricas aumentou a produtividade e reduziu os custos finais, impactando positivamente em todos os setores. 

Outro famoso exemplo de indústria 100% nacional que se adaptou à indústria 4.0 foi a Natura.  

A empresa passou a contar com sistemas de iluminação e ar condicionado inteligentes, diminuindo os custos de toda a produção e direcionando a energia para a linha com maior número de demandas. 

Aproveite as oportunidades da Indústria 4.0 no Brasil! 

A Indústria 4.0 no Brasil está crescendo a passos largos, abrindo um grande número de oportunidades para quem deseja ingressar na área. 

Por ser algo que ainda está em desenvolvimento, todas as áreas da indústria serão impactadas. Desde vendas, marketing, administrativo e RH até áreas mais tecnológicas, como TI, engenharia e robótica. 

Por isso, os profissionais com capacidades de adaptação, criatividade, inteligência emocional e que tenham interesse em desenvolver uma visão macro da Indústria 4.0 poderão alcançar uma carreira com muitas oportunidades de crescimento e desenvolvimento. 

Você está preparado? 

Para se preparar da melhor maneira, busque por cursos que levem em conta o futuro profissional do estudante, como os cursos de pós-graduação EAD da Pós +Carreira EAD Newton Paiva. 

Na Newton, você tem todo o suporte necessário para aprender e colocar a teoria em prática, com aulas 100% online e um programa de aceleração profissional. 

Inscreva-se agora na pós-graduação EAD em Análise de Cenários, Marketing Estratégico e Indústria 4.0 e se prepare com quem entende! 

Comece sua pós-graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Mercado de Trabalho

Veja mais conteúdos da Newton Paiva sobre EAD e educação

Conheça a importância da leitura para a formação profissional

A importância da leitura é uma questão que nos atravessa desde os anos iniciais da educação e (por que não?) continua ...
13 min de leitura

Como fazer networking: o que muda no pós-pandemia?

Como fazer networking quando nossos hábitos estão muito diferentes no pós-pandemia?
12 min de leitura

Nomadismo digital: o sonho de trabalhar de qualquer lugar do mundo

Imagine ligar o seu notebook e trabalhar na praia, na fazenda ou em uma casinha de sapê? 
22 min de leitura
Ver mais conteúdossobre Mercado de Trabalho